Notícias › 24/08/2016

Cúria oferece formação espiritual para colaboradores

DSCN3175

“A verdadeira oração nos humaniza”, essa foi uma das falas marcantes do dia de espiritualidade promovido, nesta quarta-feira (24/8), para os colaboradores das áreas de pastoral e administração da Cúria Diocesana de Guaxupé.

Em vez de contatos, análise de documentos e encaminhamentos, os profissionais puderam refletir sobre sua vida e seu trabalho, além de rezar com adoração ao Santíssimo Sacramento e Missa. Com a assessoria do padre Reginaldo da Silva, pároco da Catedral Diocesana, a proposta foi de aliar o trabalho técnico desenvolvido e a missão da Igreja, que deve fundamentar-se no Evangelho.

Para o padre, dedicar espaço e tempo para a espiritualidade é essencial para o equilíbrio do profissional, além de inserir as atividades realizadas nas dimensões mística e eclesial. “Quem trabalha em funções técnicas precisa de certa suavidade, e a espiritualidade dá o equilíbrio, senão a gente fica vazio, estéril”.

Colaboradora há 15 anos, a ecônoma Ana Maria Cardoso elogia a insistência da Diocese de Guaxupé, representada por dom José Lanza, na valorização da espiritualidade como pilar fundamental dos funcionários, ampliando uma “visão estritamente tecnicista”. “É um bálsamo. Nós temos essa necessidade de cuidado constante e, ainda mais, que nós lidamos com muitas pessoas e muitos problemas. Nós temos o cuidado de administrar, mas nós não podemos perder a meta principal de seguir o Evangelho de Cristo, estando a serviço da Igreja”.