Notícias › 04/09/2015

Encontro sobre “Mística e catequese” celebra Dia do Catequista

encontro catequista_01

Catequistas de toda a Diocese de Guaxupé se reuniram no dia 30 de agosto na Cúria Diocesana num encontro em comemoração ao Dia do Catequista. Com representantes dos sete setores pastorais, mais de duzentos participantes compareceram ao encontro.

Às nove horas, houve a oração inicial conduzida pelos catequistas coordenadores do setor Alfenas, seguindo-se com a acolhida feita pelos coordenadores diocesanos da catequese Edon e Maísa. O bispo diocesano, dom José Lanza Neto, também acolheu e incentivou os participantes do encontro, estando presente por quase toda a manhã junto com os catequistas.

Durante a manhã, a formação foi feita pelo padre Luciano Campos Cabral, assessor diocesano da catequese que discorreu sobre o tema Mística e Catequese. Na primeira parte da formação, o padre abordou de maneira objetiva e clara sobre a mística do catequista, a partir de um profundo encontro com Deus e da comunhão de vida, projetos e anseios.

Num segundo momento, o assessor falou sobre a espiritualidade cristã específica do catequista. Afirmando sua dimensão ministerial, como resposta a um carisma e se encarna na vida do catequista, constituindo-o servidor da palavra para o crescimento da fé na comunidade eclesial. Portanto, o catequista deve ser discípulo, testemunha, missionário, companheiro de viagem, pessoa da harmonia, procurando sempre aprofundar essa espiritualidade com coerência de comportamento de acordo com a mensagem cristã.

encontro catequista_02

À tarde, os catequistas se dividiram em onze grupos para refletirem textos sobre a temática do encontro. Por volta das quatorze horas, foi realizado o plenário com a conclusão e avaliação dos trabalhos. Antes do encerramento, padre Luciano salientou a necessidade da formação permanente para o catequista, amparado no documento n.º 26 da CNBB sobre a Catequese Renovada. “A missão catequética não se improvisa e nem fica ao sabor do imediatismo ou gosto de uma pessoa. A Catequese é uma ação da Igreja e um projeto assumido pela comunidade, como um “processo de educação comunitária, permanente, progressiva, ordenada, orgânica e sistemática da fé” (Catequese Renovada n.º 318).

O assessor reafirmou a importância do Diretório Diocesano de Catequese como diretriz para a organização da catequese em todos os seus níveis, assim os catequistas devem esforçar-se em conhecê-lo e implantá-lo. O encontro foi encerrado com a oração final comandada pela coordenação do setor Poços de Caldas.

 Com informações da Coordenação Diocesana de Catequese.