Estudo dos Evangelhos › 14/03/2018

Evangelho de Marcos (5) – Jesus é Filho de Davi?

Janela

Filho de Davi era um título do Messias esperado. O Ungido ou Messias seria um rei descendente de Davi, o modelo de rei do povo judeu. Marcos só duas vezes fala desse título. Uma vez é quando o cego de Jericó (Mc 10,47-48) chama Jesus de Filho de Davi, mas todos o repreendem e proíbem que diga isso. A outra vez é no conflito final em Jerusalém (Mc 12,35-37), quando Jesus, diante do povo empolgado com seu ensinamento, questiona os letrados ou escribas, que afirmavam ser o Messias Filho de Davi. Jesus pergunta: Como é que, no Salmo, Davi o chama de senhor? Então ele não é filho, é senhor de Davi!

A Comunidade Apostólica

A comunidade que nos deu esse Evangelho viveu bem próxima da revolução que tomou o poder em Jerusalém no ano 66. Os chefes da revolução, mesmo brigando entre si, davam-se o título de “Filho de Davi”. Pretendiam ser o Messias, que quer dizer o Rei Ungido descendente de Davi, que haveria de restaurar a grandeza do povo de Israel.

Para essa comunidade Jesus não é o salvador da pátria dos judeus, só deles. Jesus não é um Messias nacionalista, um rei ungido para livrar Israel do Império Romano. A missão de Jesus é outra, ele não pode ser confundido com João de Gíscala ou outros chefes zelotes. A salvação que ele traz vai mais a fundo e é para a humanidade toda.

As Comunidades hoje

“Jesus me ama!” “Jesus é o meu amigão!” “A razão do meu sucesso, Jesus!” E tantas outras frases ou pensamentos como esses acabam fazendo de Jesus um salvador mais imediatista e mais particular do que o Filho de Davi para os judeus. Será que, às vezes, não reduzimos Jesus a um companheiro na busca da solução dos problemas financeiros, afetivos e outros, inconfessáveis, como a satisfação da própria vaidade ou da ganância pessoal, mesmo com o prejuízo de outros?

Que salvador, então, é Jesus? Ele salva quem? Salva de que? Se ele não é o salvador da pátria dos judeus nem de nenhum outro povo particular, deve ser o salvador da humanidade toda. E a salvação da humanidade em que consiste? Em fazer um remendo aqui e outro ali, ou em ir à raiz de todas as desgraças que se abatem sobre os seres humanos em qualquer parte do mundo. Marcos nos deixa com esta pergunta: Qual é a raiz de todas as desgraças da humanidade?