Notícias › 19/04/2018

Frades Capuchinhos celebram 50 anos de missão em Poços de Caldas

Texto/Imagens: Ândrei Viterbo L. Figueiredo

Na noite do dia 17 de abril, o Santuário Nossa Senhora de Fátima em Poços de Caldas, celebrou os 50 anos da chegada dos capuchinhos em uma missa solene presidida por Frei Sebastião Lázaro de Oliveira, ministro provincial da Ordem dos Frades Menores Capuchinhos de Minas Gerais, e concelebrada por Frei Lázaro de Freitas, Frei Evandro Moreira de Melo e Padre José Maria de Oliveira.

Em suas palavras, Frei Sebastião destacou a importância e a presença dos capuchinhos em Minas Gerais principalmente em Poços de Caldas, como a exemplo de São Francisco de Assis, os primeiros frades Emílio Santi Piro e Aldo Nasello deixaram tudo que tinham e saíram em missão.

Em comemoração aos 50 anos foi colocado uma placa comemorativa no Santuário Nossa Senhora de Fátima.

Ao final da celebração Maurício Martins, ministro local da Ordem Franciscana Secular destacou o trabalho de ser missionário na realidade hoje vivida na Diocese de Guaxupé no contexto das Santas Missões Populares, Assembleia Diocesana de Pastoral e também o Ano do Laicato.

Breve Histórico:

Os Frades Capuchinhos estavam em trabalho missionário na região do sul de Minas e desde de janeiro de 1968, os freis Emílio Santi Piro e Aldo Nasello já vinham trabalhando na cidade de Poços de Caldas. No dia 17 de abril de 1968 a Ordem dos Frades Menores Capuchinhos recebeu oficialmente a doação do Santuário Nossa Senhora de Fátima, mediante documento firmado com a Diocese de Guaxupé. Foi concluída a construção do Santuário, antes iniciada pela Colônia Portuguesa na cidade, situado no alto do Morro Santa Cruz.

Inicialmente o Santuário Nossa Senhora de Fátima pertencia a paróquia da Basílica Nossa Senhora da Saúde, sendo que em 18 de dezembro de 2005 é criada a Paróquia São Félix de Nicosia e designada aos cuidados dos Frades Capuchinhos. No ato de criação vários bairros foram incorporados à Paróquia: Funcionários, Santa Cruz, Planalto, Bela Vista, Santa Augusta, Santa Maria, Santa Ângela, Jardim Vitória e Morumbi.

Ao longo destes 50 anos 26 frades contribuíram na construção dessa história. Iniciando-se com Frei Emílio Santi Piro e Frei Aldo Nasello, ambos já falecidos. Atualmente, residem em Poços de Caldas, Frei Lázaro de Freitas, Frei Evandro Moreira de Melo, Frei Mário Mazzuchi de Moraes e Frei André Luiz Aguiar.